Etiqueta: Superação

no início de mais um ciclo

no início de mais um ciclo

no início de mais um ciclo, mantemos com carinho no nosso coração. os que ficaram, os que chegaram e os que nunca partiram.
os que moram fora, deixamos ir com carinho. largamos. desejando o melhor, sempre. há caminhos que se cruzam mas que não se alinham. e está tudo certo, só precisamos perceber isto mesmo. todas as pessoas que se cruzam connosco aportam-nos sempre algo e mesmo que não achemos ou sintamos, ficam no mínimo todos os ensinamentos.

no início de mais um ciclo, reconhecemos que podemos não só ser mais, como fazer mais. percebemos que somos os nossos melhores amigos ou/e também os nossos inimigos se não estivermos despertos e alinhados com o o nosso propósito.

percebemos que o importante é escolher o que é intencional e não o que mais fácil ou suposto. que a se coragem  conjuga todos os dias de várias formas e que o amor nos acompanha. o amor por nós próprios e pelo nosso propósito. ♥

lembramos que estamos sempre onde é suposto estarmos, com o compromisso forte e consciente. para muitos de nós o compromisso é o que nos aperta o coração porque sabemos que a partir desse momento, o compromisso deixa de ser só connosco e passa a ser de outros também. por isso precisamos de nos comprometer com a nossa felicidade, acima de tudo. agarramos o coração, abraçamos a fé, acreditamos no amor e definitivamente, arragaçamos a mangas e fazemos acontecer.

no início de mais um ciclo, olhamos para o que ficou por fazer, criar ou ser, e percebemos que na maior parte do tempo demos o nosso melhor. não chegou. é preciso mais. mais entrega. mais invetimento, dormir menos. trabalhar mais inteligentemente, parar para meditar e para alinhar os pensamentos, desejos e intenções.
percebemos que ficámos àquem [do que tínhamos pensado para nós], não com os olhos do julgamento, mas da consciência, sinceridade e da aprendizagem. agarramos em tudo o que aconteceu e planeamos, de novo se necessário e retomamos com ainda mais coragem e com todas as aprendizagens.
pensamos nos nosso desafios como “casos de estudo”. muitas vezes, pensamos que só nós vivemos certas experiências ou certos desafios. não é verdade. muitas pessoas, cada uma com a sua história, vive histórias da mesma cor e tem angústias da mesma forma. pegamos no que vivemos e partilhamos, não para nos expormos mas para com o nosso exemplo podermos ajudar também outras pessoas. eu aprendo e inspiro-me muito com outras histórias. tomamos para nós e para os outros a palavra, cooperação.

no início de mais um ciclo, observamos orgulhosos o tanto que já caminhámos e estamos imensamente gratos pela nossa coragem, entrega e amor que colocámos em todas as coisas que fizemos! ♥
percebemos que neste caminho. aprendemos a olhar para os desafios com outros olhos e com outro mindet, melhorando as perguntas.

no início de um novo ciclo, trocamos o: é impossível. para: como é que eu posso?
[o que seja realmente importante para ti! ♥]
e que este seja um ciclo imensamente feliz para todos nós! ♥♥

[junta-te a nós no grupo! até já!]

love is always the answer!

love is always the answer!

[sobre caminhadas inspiradoras e outonos bonitos! ♥]

 love is always the answer! ♥
existem camas que têm uns braços invisíveis e [acham] que não nos deixam levantar tão cedo como gostariamos.
só que entretanto, respiramos fundo, enchemos o peito de ar e fazemos o nosso cérebro comandar as operações: levanta-te e vai caminhar, meditar, apanhar ar e pôr as ideias em ordem e estimular a tua criatividade.
e assim foi. todo o caminho, lindo, com muitas cores bonitas, ainda muito verde, muito castanho e sobretudo muito amarelo. uma beleza 💛🍂🍁

o caminhar na natureza é uma fonte maravilhosa de equilíbrio, de inspiração e de criatividade.

e quando nos nossos pensamentos, desabafos, perguntas e alegrias, eis que observamos e temos respostas assim, em forma de folhas-com-forma-de-💛[muitas] que nos deixam de contentamento com as coisas simples da vida, mas que na verdade, são as mais importantes.

bom quando nos superamos mais um bocadinho! 
📷 da caminhada de ontem, sem filtros nem tratamentos. ficou um must, acho! 😍

concluir.

concluir.

concluir! ♥ palavra para esta semana!

quantas vezes não temos “mil e uma” coisas em mãos e por isso, muitas vezes não terminamos nenhuma delas?
não sei como é convosco, mas a mim acontece-me mais vezes do que gostaria. :=( no meio de tantas coisas importantes que quero criar e partilhar, disperso o meu pensamento e divido a miha enrgia nas mesmas e não termino o que quero. é uma disciplina e um comprimisso. sei!
por vezes são coisas simples. algo para arrumar ou escolher em casa. terminar de ler um livro que olha para nós há tantos meses que já perdemos a conta. terminar de criar algo que está nossa cabeça e que não há meio de sair para o papel. ou mesmo  concluir o que já está no papel e precisa de sair para o mundo! ♥
o exercício não é nos julgarmos. sabemos como estamos. o exercício é nos corrigirmos e fazermos um bocadinho mais todos os dias para que possamos concluir de vez ou mais depressa!
esta semana, espero que termines algo que seja importante para ti nem que pareça a coisa mais insignificante do mundo! se já a criaste para acontecer, é porque importa!
vamos a isso! boa semana! ✨

Maria

fortifica as tuas raízes.

fortifica as tuas raízes.

depois das sementes na terra precisamos de cuidar, esperar e no seu tempo certo, colher! ♥
depois, continuamos a cuidar. sempre. tal como cada um de nós.
precisamos olhar para dentro de nós, nos conhecermos e perceber que sementes plantamos e nutrimos ou seja, que pensamentos e que significado damos aos mesmos.
aprendemos e agradecemos com os que não nos servem e deixamo-los ir. largamos, em consciência.
aos que nos servem, insistimos em dar a mão e mantê-mo-los sempre presentes e vivos. nutrimos.
pouco importa se estás a passar uma tempestade. é um exercício diário, incrível e poderoso.
planta as tuas raízes, cuida para que fiquem fortes e resistentes e cuida-te para que possas crescer. sempre.

Descobre o Teu Potencial ♥

sobre decidir.

sobre decidir.

muitas vezes mais difícil que decidir, é caminhares e continuares firme na tua decisão!

nas decisões importantes que temos que tomar sozinhos, esperamos muitas vezes companhia, amparo e validação. esperamos a rede do outro lado e que façam [quase] o caminho que compete a cada um de nós escolher, desbravar e abraçar.
há nas grandes [e pequenas] decisões, uma responsabilidade que é nossa, de cada um de nós!
não esperes do outro a coragem que tens que desenvolver, a força que precisas para fazer o que tens que fazer, o chão firme que tens que criar, com a certeza de que segues o teu caminho, por escolha e em consciência. 
é um processo teu e de mais ninguém! decide, por saberes e sentires o que é melhor e mais certo para ti! [independentemente dos outros]
damos atenção à nossa intuição, escutamos o coração, chamamos a coragem e seguimos a nossa caminhada! ♥
sabemos que é um [o] grande desafio e que a vida é feita de escolhas ♥

Estamos Juntos! ♥

Itália à distância de um abraço!

Itália à distância de um abraço!

Itália à distância de um abraço! ♥

há 4 anos a minha filha Catarina regresssava do seu Erasmus. 10 meses de uma experiência única em Salerno, Itália!
partilha bonita desse dia: “porque hoje renova-se o ciclo…na vida e cá em casa! ♥ A vida é feita de ciclos de vivências, de aprendizagem e de crescimento! A nossa pequena grande Famíia junta-se fisicamente de novo, porque os sentimentos & os laços não têm, nem tempo, nem espaço…
a colecção dos livros vai crescer e nunca chegam as prateleiras que teimam em ser mais pequenas do que deviam. o jantar voltará a ser demorado com longas conversas.
a casa enche-se de novo e os espaço vazios ganham nova vida e nova energia, nova luz, novos sons.
sim porque hoje, ao fim de 10 meses de uma experiência única, “Itália chega a casa” e já está à distância de um Abraço! ♥”

quão importante são estas experiências para os nosso filhos! entre muitas coisas, sobretudo ganham mundo! :=)  recordações bonitas! ♥

[ 4 anos. incrível como o tempo passa!]

◊ Dia 50_Desafio 51!

“O que a largarta chama o fim do mundo, o mestre chama de borboleta.”

“O que a largarta chama o fim do mundo, o mestre chama de borboleta.”

“O que a largarta chama o fim do mundo, o mestre chama de borboleta.” ♥

Tal como a lagarta precisa por si própria romper o casulo para se tornar numa linda borboleta, também nós precisamos que fazer o nosso caminho para chegar onde queremos.
Envolve crescer, sair fora da zona de conforto, correr risco e “romper muitos casulos”. É um processo incrível.
Vale tudo a pena quando caminhamos para o sonho! Fé, foco e determinação! ♥

◊ Dia 49_Desafio 51

 

mas começa.

mas começa.

pensa grande, começa pequeno. com o que tens e onde estás. mas começa! ♥

 

seja o que for. desde algo simples a algo mais complexo ou mesmo difícil.
o pior que podemos fazer é dizer: “amanhã começo! ainda me falta isto ou aquilo.” na maioria das vezes é medo, insegurança, desculpas. pois é. essa é que é a verdade, quantas vezes não me aconteceu dar por mim e terem passado meses [pelo menos! :=( ]

já temos o mais importante para avançar: nós próprios! precisamos começar e continuar! depois, o resto chega sempre!

lembra-te_1: se está na tua mente e na tua vontade, é porque é importante e faz todo o sentido para ti. avança. o tempo é sempre. agora!
lembra-te 2: não precisas de começar nem fazer o caminho desamparada[o]. podemos caminhaR juntas[os]. manda-me uma mensagem aqui e vamos conversar! :=)

◊ Dia 47_Desafio 51

o amor é algo mais natural para o coração humano!

o amor é algo mais natural para o coração humano!

o amor é algo mais natural para o coração humano! ♥

“As pessoas são ensinadas a odiar e, se podem aprender a odiar, podem ser ensinadas a amar,
porque o amor é algo mais natural para o coração humano do que seu oposto.”

¦

Nelson Mandela celebraria hoje 100 anos. Foi e será sempre uma fonte de inspiração,
um dos maiores defensores dos direitos humanos, da igualdade e da liberdade.
Hoje faria 100 anos e deixou um legado maravilhoso para o mundo!

¦
◊ Dia 44_Desafio 51

Oportunidades. Dizem-se sim e abraçam-se!

Oportunidades. Dizem-se sim e abraçam-se!

Oportunidades. Dizem-se sim e abraçam-se! :=)

Quando abraçamos uma oportunidade que acreditamos ser boa para nós, abrem-se inevitavelmente uma série de outras oportunidades que nunca se teriam aberto se não a tivéssemos abraçado.
Como diz Richard Branson “Se alguém te oferecer uma oportunidade incrível, mas você não tem certeza de que consegue fazer, diga sim – e depois aprenda como fazer.”
O como surge sempre ao longo do caminho.
Começa alinhado com o que já és e o que já tens e tudo o resto se revela. ♥
¦
◊ Dia 42_Desafio 51